BodyTalk, Constelações Familiares, Fonoaudiologia, Fonoaudiologia Sistêmica

Os Conflitos e Doenças na Visão Sistêmica

Quem me conhece sabe que eu DETESTO rótulos de doenças! Parece me que a doença cria uma espécie de “identidade pessoal”.

Vocês com certeza já ouviram falar : “Ah, eu SOU diabético e não posso doce!” “Eu SOU hipertenso , é por isso que não posso com sal”! “Ele É autista, por isso que faz birra!”   Noto que as pessoas esquecem que SÃO pessoas , mas a importância aos sintomas é tanta que acabam se esquecendo do principal. Somos seres humanos dotados de corpo, mente e espírito, viemos de uma família de origem,  temos uma vida social, nos alimentamos.

Enfim, então o que é o olhar sistêmico?

A palavra “sistêmica” é muito utilizada na biologia e medicina para identificar nossos sistemas corporais (sistema circulatório, sistema endócrino , sistema digestório..) Essa nomenclatura facilita nossa percepção que vários órgãos participam de determinadas funções e isso facilita o trabalho de todos. E se “por acaso” algum órgão para de funcionar , todo o resto se prejudica. Simples né?

Usamos também para identificar doenças familiares. Os médicos fazem a anamnese na primeira consulta tentando investigar se sua queixa é pertinente a algum familiar , como por exemplo: “há algum caso de diabetes na sua família?” E assim por diante!

ISSO É OLHAR SISTÊMICO!!

É investigar além das queixas iniciais.

O problema é que o foco da SOLUÇÃO se desvia…. é como ver uma árvore com galhos secos e tentar revitalizá los, ou quem sabe até arrancá los. Mas no caso da árvore sabemos que a solução está em adubar a raíz para tratar os galhinhos novos, certo?

INFELIZMENTE estamos acostumados a tratar os sintomas e nos contentamos com isso. Usamos medicamentos porque os médicos foram instruídos assim durante os anos da faculdade.

Mas sinto que isso está mudando. A nova “leva”de médicos está com muito mais consciência no que se refere aos tratamentos.

Temos ambulatórios de meditação e curas energéticas em algumas Universidades Federais .

E no SUS também, esse ano várias áreas de tratamentos complementares foram incluídas  pois isso facilita o gerenciamento e o fortalecimento dos pacientes no processo de cura.

Então , olhar sistêmico é olhar para a raíz do problema.

É ir além daquela dorzinha, daquela dificuldade de fala, daquele conflito com os pais, daquela briga com os filhos.

É ir na CAUSA , e assim, ganhar consciência e tomar uma atitude proativa para uma vida mais leve e equilibrada .

Gostou? quer conhecer mais sobre olhar além dos sintomas”?

Um beijo carinhoso

Beatriz Guntzel

women standing near river
Photo by Zun Zun on Pexels.com

Próximo Workshop dia 23/06 das 8:00 às 12:00.

WhatsAPP : 98939-0987

 

Terapia sistêmica

A FALA

Quando uma criança fala pela primeira vez 🌟 ” mamãe “🌟. Vocês percebem o que isso significa?

Qual o efeito que essa palavra tem para essa mãe ?

Ela simplesmente transforma esse relacionamento!!!!

 
Mas e quando a palavra não vem? Quando a criança simplesmente está com TODOS os exames auditivos normais , ESTÍMULOS adequados e a fala não vem?

 
Que efeito ressoa no relacionamento dessa família ?

Após anos de fonoterapia observo uma dinâmica que atua por trás dessa ausência de fala infantil. O que observei muitas vezes foi um conflito não solucionado na família, como por exemplo um segredo não dito, uma vontade não expressada , uma briga sem reconciliação.

A Terapia sistêmica pode auxiliar e trazer maior clareza sob esses conflitos familiares e com isso promover um equilíbrio a todo o sistema.

Lembrando que essas técnicas são complementares à fonoterapia.

BodyTalk, Terapia sistêmica

A importância da fala

Aaahhh se conseguíssemos falar tudo o que nossa mente programou … .

Ocorre muitas vezes que uma emoção , um conflito interno inconsciente e até uma memória podem influenciar negativamente na fluidez da fala.

E o contrário também acontece …às vezes falamos em demasia , desconectados do nosso coração , pelos mesmos motivos.

O que me encanta nessa junção da fonoaudiologia com as terapias sistêmicas é a possibilidade de equilibrar as emoções com o corpo/mente e a comunicação.

Usamos tantas expressões como : ” estou com a fala engasgada “, ou ” ” quem cala consente ” , ou ” o corpo fala quando a boca cala” ou ” fulano fala pelos cotovelos “, ” fiquei mudo e sem reação “. E por aí vai.

Sabemos da importância  do falar bem e seus efeitos , porém não nos damos conta de que é possível equilibrar a fala com o corpo, mente e alma ( reações, emoções e interações do meio ambiente )

As terapias sistêmicas te auxiliam a encontrar esse centro !

(Imagem google)

Terapia sistêmica

A FALA

Quando uma criança fala pela primeira vez 🌟 ” mamãe “🌟. Vocês percebem o que isso significa?

Qual o efeito que essa palavra tem para essa mãe ?

Ela simplesmente transforma esse relacionamento!!!!

 
Mas e quando a palavra não vem? Quando a criança simplesmente está com TODOS os exames auditivos normais , ESTÍMULOS adequados e a fala não vem?

 
Que efeito ressoa no relacionamento dessa família ?

Após anos de fonoterapia observo uma dinâmica que atua por trás dessa ausência de fala infantil. O que observei muitas vezes foi um conflito não solucionado na família, como por exemplo um segredo não dito, uma vontade não expressada , uma briga sem reconciliação.

A Terapia sistêmica pode auxiliar e trazer maior clareza sob esses conflitos familiares e com isso promover um equilíbrio a todo o sistema.

Lembrando que essas técnicas são complementares à fonoterapia.